Tijolos de solo-cimento com resíduos de construção


A técnica de assentar os tijolos por encaixe proporciona maior rapidez na execução da alvenaria. Os furos coincidentes possibilitam a passagem de tubulações, permitindo também a execução de colunas grauteadas. Na figura 2 é mostrada uma construção em três pavimentos, executada com tijolos prensados de solo-cimento.

Aproveitamento dos resíduos de concreto

A idéia de aproveitar os resíduos de concreto na composição do solo para a confecção do solo-cimento surgiu em razão de se constatar que os solos arenosos são os mais indicados para a obtenção do solo-cimento. E foi exatamente isso o que se buscou com a incorporação dos resíduos de concreto, pois se trata de um material granular, cujas características granulométricas, após a britagem, assemelham-se às de uma areia grossa. Em trabalhos realizados no campus da Unesp em Ilha Solteira (SP), constatou-se que a incorporação de resíduos de concreto, na confecção de tijolos de solo-cimento, propiciou melhorias substanciais nas propriedades de resistência e absorção do solo-cimento, obtendo-se resultados muito melhores que aqueles estipulados nas normas brasileiras. Outro aspecto observado, em vista dos resultados alcançados, foi a inerente possibilidade de se reduzir o consumo de cimento na confecção dos tijolos. O aproveitamento dos resíduos de concreto na confecção dos tijolos, portanto, pode ser uma importante contribuição para a sociedade, na medida em que viabiliza uma opção técnica de baixo custo, plenamente inserida no contexto do desenvolvimento sustentável.

Figura 4 – Ensaio de compressão dos tijolos

Metodologia experimental

Na composição do solo-cimento, além do estudo com o solo natural, foram estudadas mais três misturas: solo mais 20% de resíduo de concreto (RC); solo mais 40% de RC; e solo mais 60% de RC (em relação à massa de solo). Para cada uma dessas composições foram utilizados três teores de cimento (6%, 8% e 10%) em relação à massa da mistura solo-resíduo.

Figura 5 – Ensaio de compressão dos prismas

Considerando-se traços com 100 kg de solo, mostra-se na tabela 1 o consumo de cada material na preparação dos traços correspondentes. Mostram-se também as composições equivalentes, em porcentagem, de cada material em relação à massa total.

Foram confeccionados tijolos (figura 3) para a realização dos ensaios de compressão simples (figura 4) aos 7, 28, 56, 120 e 240 dias. Foram também confeccionados prismas com dois, três e quatro tijolos (figura 5). Os tijolos utilizados na confecção dos prismas foram confeccionados utilizando-se a dosagem SC60-6. Os ensaios com prismas foram realizados aos sete e 28 dias.

 


PÁGINAS :: 1 | 2 | 3 | 4 | 5